Arquivos da categoria: Aulas de Inglês Básico

Exercícios de vocabulário: Comidas e bebidas em inglês

Aula de Exercícios

Agora que você já estudou em detalhes nossa aula de vocabulário sobre comidas e bebidas e aprendeu como falar e escrever o nome das principais frutas, verduras e legumes em inglês, faça os exercícios a seguir para fixar seus conhecimentos com maior facilidade.

1) Escolha dentre as fotos abaixo a que corresponde a um “strawberry”:

Foto 1:

Foto 2:

Foto 3:

2) Qual o nome em inglês da fruta que aparece na imagem a seguir?

a) Eggplant
b) Advocado
c) Abacato
d) Avocado

3) One of the halloween’s symbols is:
a) Dogs
b) Watercress
c) Pumpkin
d) Star Fruit

4) Como se traduz a palavra “milk” para o Português?
a) Leite
b) Açúcar
c) Suco
d) Pão

5) Como você pediria um pouco de água em inglês?
a) May I have some water?
b) Would I have a glass of water?
c) Can I had some woter?
d) Wish I had some water?

6) A palavra “sweet potato” refere-se a que?
a) batata doce
b) melância
c) açúcar
d) bolo de cenoura

7) Como você pediria um suco de laranja em um país de língua inglesa?
a) A Orange Juice, please.
b) I like oranges.
c) I want an Orange Juice, please.
d) I want an Orange Cake.

Respostas dos exercícios:

Resposta questão 1: A foto número 2 corresponde a morangos.

Resposta questão 2: a fruta abacate é chamada de “avocado” nos países de língua inglesa.

Resposta questão 3: A abóbora (pumpkin) é um dos principais símbolos do dia das bruxas nos Estados Unidos.

Resposta questão 4: Milk é leite em inglês.

Resposta questão 5: A forma polida de se pedir água é “May I have some water?”. Também é possível usar “Can I have some water?”

Resposta questão 6: Sweet potato é batata doce.

Resposta questão 7: I want an Orange Juice, please. A alternativa “a” está incorreta por conta do artigo “a”. O correto é “an orange” e não “a orange”.

Quer relembrar um pouco mais da nossa aula de vocabulário para reforçar seus conhecimentos?

Artigos Indefinidos em inglês

Um artigo é uma palavra que vem antes de um substantivo qualquer. Podem ser definidos ou indefinidos.
Os artigos indefinidos são usados quando o substantivo não é conhecido pelo ouvinte. Trata de um substantivo qualquer, geral e que é não completamente definido.
Um cachorro me mordeu ontem.
O artigo indefinido “um” dá a entender que não conhecemos o cachorro.
Já a frase “O cachorro me mordeu ontem” dá a entender que conhecemos tal cachorro.
Em Português temos quatro artigos indefinidos: um, uma, uns e umas.

Em inglês, os artigos definidos são “a” e “an”. Estes artigos significam “um” ou “uma”. Estes dois artigos não variem em gênero e em número. Podemos usar ambos tanto com substantivos no singular no masculino e no feminino. Não há distinção.
A boy came here -> Um garoto veio aqui
A girl came here -> Uma garota veio aqui

O que diferencia os dois artigos é o som da palavra que vem depois do artigo.
Regra para artigos indefinidos:
Usamos “a” antes de palavras que iniciem com som de consoante.
Usamos “an” antes de palavras que iniciem com som de vogal.

Preste atenção na regra acima. Escolhemos “a” ou “an” pelo som que a palavra começa e não pela letra que ela é escrita. A escolha é feita a partir do som e não pela forma que a palavra é escrita. Isso pode gerar alguma confusão.
Vamos a alguns exemplos:
Today is a day like any other -> Hoje é um dia como qualquer outro
My children want a new dog -> Minhas crianças querem um novo cachorro
I ate an apple this morning -> Eu comi uma maçã esta manhã
I ate a delicious apple this morning -> Eu comi uma maçã deliciosa esta manhã
An elephant is a huge animal -> Um elefante é um animal enorme

Agora vamos mostrar alguns casos de palavras que começam com vogal ou consoante, mas a pronúncia faz com que o som seja diferente e por isso pode confundi-lo.
A university -> Uma universidade
Apesar da palavra “university” começar com uma vogal, usamos o artigo indefinido “a” pois o som da palavra é como o de uma consoante.
An hour -> Uma hora
Pelo mesmo motivo, usamos o artigo “an”. A letra h não é pronunciada neste caso e por isso o som do início da palavra é o som de uma vogal.

Por isso, lembre-se: para escolher o artigo indefinido que deve ser usado, devemos levar em conta o som da palavra (a pronúncia) e não a letra em si.

Pronomes Demonstrativos em Inglês

Hoje teremos mais uma aula de gramática do inglês. Dessa vez estudaremos os chamados “demonstrative pronouns”. Mas antes de mais nada, precisamos responder a uma pergunta:

O que é pronome demonstrativo?

Pronomes demonstrativos são usados para indicar ou apontar a posição de algo em relação às outras pessoas que estão conversando. Então se você disser:

“Este é um bom carro” estará se referindo a um carro que está próximo de você. É diferente de dizer “Esse é um bom carro”. Neste segundo caso, é subentendido que o carro está perto de quem ouve e não de quem está falando. Ainda poderíamos dizer “Aquele é um bom carro” para sinalizar que o carro está longe tanto de quem fala quanto de quem ouve. Este é o principal emprego dos pronomes demonstrativos. Note que temos o pronome para o caso do singular e para o plural também. Ou seja, os pronomes são variáveis de acordo com o sujeito da oração. Não é um bicho de sete cabeças!

Em Inglês o raciocínio é exatamente o mesmo. Temos apenas que conhecer quais são os pronomes para perto e para longe e para o singular e para o caso de plural.

De modo geral podemos fazer as seguintes correspondências entre Português e Inglês:
This -> Este, Esta, Isto
These -> Estes, Estas
That -> Esse, Essa, Aquilo, Aquele, Aquela
Those -> Esses, Essas, Aqueles, Aquelas

Note que os dois primeiros pronomes (This e These) são utilizados para indicar objetos que estão próximos de quem fala. O primeiro caso é para o singular e o segundo para o plural. Simples assim!

Da mesma forma, os pronomes That e Those são usados para indicar objetos distantes de quem fala no singular e no plural.
Agora veja algumas frases com este tipo de pronome para memorizar mais facilmente esta aula de gramática.

Exemplos:
This is my youngest son -> Este é meu filho mais novo
This is our best chance -> Esta é nosso melhor cance
These girls are very nice -> Estas garotas são muito legais
Are these dogs dangerous? -> Estes cães são perigosos?
That car was mine -> Aquele carro foi meu
That fruit seems to be delicious -> Aquela fruta parece ser deliciosa
Those people are the hotel’s owners -> Aquelas pessoas são as donas do hotel
Those guys just arrived -> Aqueles rapazes acabaram de chegar

GUARDE OS CONCEITOS-CHAVE
– Saiba quando usar pronomes demonstrativos
– Pronomes para perto e para longe
– Pronomes para singular e plural

Pronomes Reflexivos em Inglês

Na aula de gramática de hoje da língua inglesa vamos estudar um assunto que costuma causar alguma confusão entre os alunos principiantes do idioma de Shakespeare: os “reflexive pronouns” – ou no bom e velho português: pronomes reflexivos.

Um pronome é chamado de reflexivo quando indica uma ação praticada pelo sujeito que recai sobre ele mesmo. Calma! Não é algo tão difícil assim. Usamos pronomes reflexivos em Português o dia todo e o seu conceito é até mesmo intuitivo. São muito usados na construção de frases, então é importante dominar o assunto.

Exemplos de uso dos pronomes reflexivos:
Eu me barbeei esta manhã.

A palavra “me” é um dos pronomes reflexivos em português, pois indica uma ação praticada pelo sujeito (eu) que recaiu sobre ele mesmo.

Mais exemplos:
Ela se esqueceu de fazer a ligação.
Nós nos conhecemos desde a nossa infância.
Estes são alguns exemplos na língua portuguesa.
Eles se perderam no caminho para a escola.
Você se lembrou de fazer o dever de casa?
Ele não se importou com o ocorrido.
Aquilo se moveu rápido demais!

Tanto em Português quanto em Inglês o pronome reflexivo deve concordar com o sujeito da oração. Por isso, devemos usar o pronome adequado em cada frase de acordo com a situação. Veja a tabela a seguir que relaciona o sujeito e o pronome.

Myself -> eu mesmo
O reflexive pronoun “myself” é usado para a primeira pessoa do singular (eu). Vamos a seguir alguns exemplos simples:
I made myself this dinner -> Eu mesmo fiz este jantar.
I’m not crazy to talk to myself -> Eu não sou louco para falar comigo mesmo. (Falar sozinho.)
I can see myself through the water -> Eu posso me ver através da água.

Agora vamos aprender os demais reflexive pronouns:
Yourself -> Você mesmo
Himself -> Ele mesmo
Herself -> Ela mesma
Itself -> Ele mesmo / Ela mesmo (usado para objetos e animais)
Ourselves -> nós mesmos
Yourselves -> vocês mesmos
Themselves -> Eles mesmos / Elas mesmas

Essa é a tabela completa.

Vamos ver agora mais alguns exemplos para entender como usar na prática cada um dos pronomes:

They built that house themselves. (Eles mesmos construíram aquela casa)
We found the way by ourselves. (Nós mesmos achamos o caminho)
She cut her hair by herself. (ela cortou o próprio cabelo)

Também é importante saber que existem os chamados pronomes reflexivos recíprocos: one other e each other. Estes pronomes tem uso semelhante aos demais reflexive pronouns que estudamos até agora.

Pronomes Possessivos em Inglês

A forma de usar pronomes possessivos em Inglês é quase a mesma que em Português. São os pronomes que indicam uma relação de posse. Se você já sabe usar este tipo de pronome em Português, não terá maiores dificuldades.

Por exemplo,
Este é o meu caderno.
Aquela casa é nossa.

As palavras “meu” e “nossa” são pronomes possessivos nas duas frases acima. No nosso idioma, pronomes pessoais comuns são “meu”, “seu”, “dela”, “tua” entre outros.

Em inglês existem duas situações diferentes possíveis: Possessive Adjectives e Possessive Pronouns. Em Português não fazemos esta distinção, usamos sempre os mesmos pronomes possessivos. Ou seja, o assunto em inglês é um pouco mais complicado do que na nossa língua. Mas não se assuste, só precisamos entender este pequeno detalhe e pronto.

Tabela de Possessive Adjective (Pronomes Adjetivos Possessivos)
My -> meu / minha
Your -> seu / sua
His -> dele
Her -> dela
Its -> dele / dela / daquilo
Our -> nosso / nossa
Your -> seus / suas
Their -> deles / delas

Os pronomes acima são os pronomes pessoais básicos. A forma de usar é muito simples. Basta concordar o pronome com o sujeito que possui algo. Por exemplo:
This is my book -> Este é meu livro.
That is our house -> Aquela é nossa casa.
Your dog is big -> Seu cachorro é grande.
Her hair is very dark -> O cabelo dela é muito escuro.
Your parents are late -> Seus pais estão atrasados.
Will you tell your story? -> Você irá contar sua história?

De forma simplificada, usamos a tabela de possessive adjectives quando colocamos o pronome antes do substantivo (antes da coisa possuída).

Tabela de Possessive Pronouns (Pronomes Substantivos Possessivos)
Mine -> meu / minha
Yours -> seu / sua
His -> dele
Hers -> dela
Its -> dele / dela / daquilo
Ours -> nosso / nossa
Yours -> seus / suas
Theirs -> deles / delas

Note que a diferença entre uma tabela e outra é a letra s no final de alguns dos pronomes. Este s não quer dizer que o pronome está no plural. No Inglês, tanto o singular quanto o plural dos pronomes possessivos são iguais. Então:

This is my cat.
These are my cats.
O pronome possessivo não muda!

Usamos os Possessive Pronouns quando colocamos o pronome depois do substantivo.

Veja os exemplos a seguir para entender as diferenças entre os dois tipos:
This is my wallet. (Wallet é o objeto possuído. Como o pronome possessivo está antes deste objeto, usamos um Possessive Adjective).

pronomes pessoais em inglês

This wallet is mine. (Como neste caso, o pronome possessivo está depois do substantivo, usamos um Possessive Pronoum).

This is your bed -> Esta é sua cama.
This bed is yours -> Esta cama é sua
Note, a partir deste exemplo, que em Português usamos o mesmo pronome possessivo (“sua”) nas duas situações. No Inglês, precisamos usar formas diferentes em cada um dos casos. Esta é a principal diferença nos dois idiomas neste assunto.

Mais um exemplo:
This is our notebook -> Este é nosso notebook.
This notebook is ours -> Este notebook é nosso.

Uso de apóstrofos
Em inglês, podemos indicar relação de posse com o caractere apóstrofo (`). Veja como funciona a regra:
Ben is my son’s dog. -> Ben é o cachorro do meu filho.

Note o uso de ’s junto à palavra “son”.
Usamos isso para indicar posse. No caso, para dizer que meu filho possui o cachorro.

Outro exemplo:
John’s daugther is very sweet.
Este tipo de construção é conhecido como possessive case ou genitive case e será estudado em aulas futuras. No momento é importante aprender apenas a regra geral.

GUARDE OS CONCEITOS-CHAVE
– Saiba quando usar cada um dos dois tipos de pronomes possessivos.
– Aprenda a regra geral do uso de apóstrofos em inglês.

Pronomes Pessoais

Os pronomes pessoais (personal pronouns) são muito utilizados nas conversas e também na língua escrita. Por isso é importante que você aprenda os principais pronomes pessoais em inglês. Sem eles você terá muita dificuldade para se comunicar.
O primeiro ponto em que se deve prestar atenção é a classificação dos pronomes pessoais em inglês e em português.
No nosso idioma temos o caso reto e o caso oblíquo. Em inglês, estes casos correspondem ao subject pronoun e ao object pronoun respectivamente.
Calma, vamos explicar melhor.
Simplificadamente é possível dizer que quando vamos nos referir ao sujeito de uma frase, usamos os subject pronouns. E quando vamos nos referir ao objeto de uma frase usamos os object pronouns.

Quem é sujeito e quem é objeto em uma frase?
Sujeito é quem pratica a ação. Objeto é quem sofre a ação na frase.

Exemplo de sujeito e objeto
He bought a book. (Ele comprou um livro.)
“He” é o sujeito da oração e “book” é o objeto.

Pois bem, depois de conhecer a diferença entre os tipos de pronomes pessoais veja como traduzir os principais para o inglês.
Pronomes pessoais do caso reto em inglês (subject pronoun):

I
Eu
You
Você
He
; Ele
She
; Ela
It
Aquilo
We
Nós
You
Vocês
They
Eles / Elas

Exemplos de Subject Pronouns

You are a good friend.
(Você é um bom amigo.)
She is from Italy.
(Ela é da Itália.)
I don’t know the address.
(Eu não sei o endereço.)
I gave him my address.
(Eu dei a ele o meu endereço.)
I asked them about the price.
(Eu perguntei a eles sobre o preço.)

Nos últimos dois exemplos, observamos o uso tanto do subject pronoun quanto do object pronoun. Na frase “I gave him my address”, a palavra “I” (Eu) é um subject pronoun e a palavra “him” é o object pronoun.
Tente identificar os dois tipos de pronomes pessoais no último exemplo.

Pronomes pessoais do caso oblíquo em inglês (object pronoun):

Me
Me, mim
You
Lhe, o, a, te, ti, a você
Him
Lhe, o, a ele
Her
Lhe, a, a ela
It
Lhe, o, a
Us
Nos
You
Vos, lhes, a vocês
Them
Lhes, os, as

Voltando ao exemplo “I asked them about the price”, a palavra “them” faz o papel de object pronoun na oração.

Mais exemplos de Object Pronouns
Dylan sent me an e-mail. (Dylan me enviou um e-mail.)
Donald told us about the problem. (Donald nos contou sobre o problema.)
The police arrested him. (A polícia o prendeu.)
Somebody sent you this flowers. (Alguém enviou para você estas flores.)
I left her at the beach yesterday. (Eu a deixei na praia ontem.)
I must talk to her today. (Eu preciso falar com ela hoje.)

Conseguiu entender as diferenças entre estes dois tipos de pronome e já sabe usar cada um deles no momento certo? Sem dúvida, esta é a principal dificuldade desta aula. É comum que os alunos troquem o uso dos pronomes e com isso cometam erros de gramática.

Exemplos de erros comuns:
Me gave you a kiss. (O correto seria I gave you a kiss.)
I drove he to the party. (O correto seria I drove him to the party.)

pronomes pessoais em inglês

Uma observação importante: Por convenção, o pronome “I” é sempre escrito com letra maiúscula mesmo que não esteja no começo da frase. Não escreva nunca o pronome pessoal “I” com letra minúscula.
O pronome pessoal “It” é usado para indicar animais e objetos inanimados como na frase “It is a nice dog” ou “It is a beautiful Picture”.
O “It” também é usado em frases em que em Português tem sujeito oculto, indeterminado ou sem sujeito. Em português diríamos “está chovendo” em inglês dizemos “It is raining”. Ou seja, usamos “It” como sujeito no caso.

GUARDE OS CONCEITOS-CHAVE
– diferenças entre subject pronoun e object pronoun
– uso do pronome It

Vocabulário: Comidas e Bebidas em Inglês

Quem chega a outro país tem algumas necessidades básicas que precisam ser levadas em conta. Oras, ninguém pode ficar sem comer ou sem beber. Pelo menos não por muito tempo :p. Por isso, é muito importante aprender o nome das principais frutas, verduras e demais comidas em inglês para conseguir se virar na sua viagem. Nessa aula você aprenderá tudo isso.

Saber isso também é importante para fazer compras quando for a mercados (markets). Se quiser perguntar onde pode encontrar um bom e velho pé de alface como vai fazer? Para ajudar, selecionamos um vocabulário com as mais importantes bebidas e comidas.

É apenas o vocabulário básico para que não passe muita fome.

Lettuce
-> Alface

Outras verduras em inglês:

Onion
-> Cebola
Watercress
-> Agrião

Broccoli -> Brócolis
Hearts of Palm -> Palmito
Dandelions -> Almeirão

Vamos conhecer agora como falar as principais frutas em inglês através de alguns exemplos simples:

This apple is really delicious
-> Esta maçã é realmente deliciosa

Do you like strawberrys? -> Você gosta de morangos?
May I have an orange juice, please? -> Por favor eu gostaria de um suco de laranja

Vale salientar que a frase “may I have…” é uma construção muito usada em inglês. Sempre que desejamos pedir algo de maneira educada devemos utilizar essa frase.

May I have some water? -> Pode me dar um pouco de água?

Outros exemplos:
I don’t like pineapples -> Eu não gosto de abacaxi
Avocado is my favorite fruit -> Abacate é minha fruta favorita
Caipirinha is made with lemons -> Caipirinha é feita com limões
I can eat a whole watermelon alone -> Eu posso comer uma melancia inteira sozinho

Lista de frutas (fruits)
plum -> Ameixa
raspberry -> Amora
guava -> Goiaba
passion fruit -> Maracujá
peach -> Pêssego
Star Fruit -> carambola

I really like peach. And you? (Eu realmente gosto de pêssego. E você?)
Do you really love guava? (Você ama mesmo goiaba?)

Agora vamos aprender o nome de legumes e outros vegetais em inglês:
Pumpkin -> abóbora

A abóbora é tradicional nas festas do dia das bruxas, data muito comemorada nos Estados Unidos. A halloween pumpkin é usada para enfeitar as casas nessa data.

Potato -> batata
Sweet potato -> batata doce

A palavra sweet em inglês significa “doce” ou “amável”. Por isso podemos dizer:
Our teacher is sweet -> Nossa professora é doce (amável).

Carrot
-> cenoura

Eggplant -> berinjela
Beet -> Beterraba
Bean -> Feijão

Cucumber
-> Pepino

 

E então? Você já consegue falar o básico de frutas e verduras na língua inglesa? Faça os exercícios dessa aula para fixar o vocabulário.

Frutas e verduras em inglês

algumas frutas e verduras em inglês

Verbo To Be

Muitos cursos de inglês iniciam suas aulas pelo verbo to be. É quase sempre o primeiro verbo a ser ensinado ao aluno iniciante no idioma. É um verbo muito importante na língua inglesa, pois é muito utilizado nas frases.

O que é o verbo to be?
Simplificadamente, podemos dizer que o “verbo to be” significa “ser” ou “estar”. Ou seja, sua tradução depende da situação e do contexto.

I am a student. (Eu sou um estudante.)
I am at school. (Eu estou na escola.)

Assim, precisamos interpretar a frase em que o verbo é usado para decidir qual a melhor tradução no caso.
He is tall. (Ele é alto.) – Trata-se de algo que é permanente. Não dizemos que uma pessoa está alta e sim que ela é alta.
The car is not working. (O carro não está funcionando.) – Trata-se de algo temporário, não permanente. O carro não está funcionando no momento, mas pode voltar a funcionar.

A conjugação do verbo to be no presente do indicativo (simple present) depende do sujeito da frase. Veja:

I am
-> Eu sou
You are
-> Você é
He is
-> Ele é
She is
-> Ela é
It is
-> Aquilo é
We are
-> Nós somos
You are
-> Vocês são
They are
-> Eles são

Preste sempre bastante atenção para usar a conjugação correta do verbo to be.
Note que He, She e It possuem a mesma conjugação deste verbo no presente. O pronome It é usado para indicar animais ou objetos sem vida.
Observe também que “you are” pode significar “você é” ou “vocês são”. Precisamos avaliar o contexto da frase para entender se trata-se do singular ou do plural.

Veja alguns exemplos de frases com o Verbo To Be:

She is my girlfriend.
(Ela é minha namorada.)
It is raining outside.
(Está chovendo lá fora.)
We are the champions.
(Nós somos os campeões.)
You are a good friend.
(Você é um bom amigo.)
I am a Brazilian guy.
(Eu sou um cara brasileiro.)
I am in Rio.
(Eu estou no Rio.)

É bastante comum usar contrações do verbo to em conversas informais. Estas contrações são usadas para tornar a escrita mais rápida e dinâmica. O uso destas contrações não altera o significado do verbo. Veja como são as formas contraídas deste verbo:

I am -> I’m
You are -> You’re
He is -> He’s
She is -> She’s
It is -> It’s
We are -> We’re
You are -> You’re
They are -> They’re

A seguir alguns exemplos do uso de contrações:

I’m a tennis player.
(Eu sou um jogador de tênis.)
You’re too young.
(Você é novo demais.)
It’s Five o’clock.
(São cinco horas.)
We’re lost.
(Nós estamos perdidos.)
They’re sleeping.
(Eles/Elas estão dormindo.)
Tabela de conjugação do verbo to be
Tabela de conjugação do verbo to be

Tudo que falamos até agora se refere a forma afirmativa do verbo to be. Também é importante aprender como usar a forma negativa do verbo to be. Assim, poderemos criar frases mais complexas.
De forma geral, basta apenas acrescentar a palavra “not” depois da conjugação do verbo para passar a frase para sua forma negativa. O mesmo vale caso estejamos usando a forma contraída do verbo.
Forma Negativa do Verbo To Be

I am not.
(Eu não sou / Eu não estou.)
You are not.
(Você não é / Você não está.)
He is not, She is not, It is not, We are not, You are not, They are not.

No caso das contrações é possível ainda agrupar o “not” junto a contração. Assim teremos:

You aren’t, He/She/It isn’t, We aren’t e They aren’t.

Exemplos:

John is not my neighbour.
(John não é meu vizinho.)
Mary and Peter aren’t here anymore.
(Mary e Peter não estão mais aqui.)
She isn’t my friend.
(Ela não é minha amiga.)

Também precisamos conhecer a forma interrogativa do verbo para o caso de querermos fazer perguntas.
Para fazer uma pergunta com o verbo to be, devemos trocar de lugar o sujeito com o verbo. Isso mesmo, basta inverter a posição.
Exemplos:

You are intelligent.
(Você é inteligente.)
Are you intelligent?
(Você é inteligente?)

Notou a inversão de posição das palavras “you” (sujeito) e “are” (verbo)?
Então veja mais alguns exemplos para que você memorize a forma correta de fazer perguntas em inglês.

They are happy.
(Eles estão felizes.)
Are they happy?
(Eles estão felizes?)
It’s raining.
(Está chovendo.)
Is it raining?
(Está chovendo?)
The’re coming.
(Eles estão chegando.)
Are they coming?
(Eles estão chegando?)

Apesar de ser um verbo simples, é possível se complicar um pouco com o to be. Dedique algum tempo para aprender a conjugação para cada sujeito. Nas próximas aulas aprenderemos como usar este verbo no passado e no futuro. Algumas atividades com o verbo to be podem ajudá-lo. Segue uma sugestão:
Para ajudar na memorização, copie a tabela do verbo to be no seu caderno de inglês.

GUARDE OS CONCEITOS-CHAVE
– conjugação do verbo to be no presente
– contrações do verbo to be
– forma negativa do verbo to be
– forma interrogativa do verbo to be


veja uma vídeo-aula sobre o verbo to be

Artigos Definidos em Inglês

Vamos agora aprender um pouco mais da gramática da língua inglesa em uma aula básica de inglês.

Em Português, temos como artigos definidos as palavras “o”, “os”, “a” e “as”. Estes quatro artigos são usados em situações em que é conhecido o sujeito a ser referenciado. É a situação oposta dos artigos indefinidos que são usados quando indicamos algo de forma vaga ou imprecisa (em Português: um, uma, uns e umas). É preciso entender a diferença entre os dois tipos de artigos para saber quando usar um ou outro.

Exemplos:

Um garoto (“um” é artigo indefinido)

O garoto (“o” é artigo definido)

Umas meninas chegaram tarde em casa.

As meninas chegaram tarde em casa.

Em Inglês temos apenas uma palavra para definir todos os artigos definidos. Trata-se da palavra “the” (definite article). Enquanto na língua portuguesa usamos um artigo para cada gênero (masculino e feminino) e temos também variantes para singular e plural, no inglês o artigo definido não varia. Isso facilita nosso aprendizado do idioma de Shakespeare!

Assim, temos:
The bull -> O touro
The cow -> A vaga
The bulls -> Os touros
The cows -> As vacas

the-artigos-definidos-ingles

The – Artigos definidos

Note que sempre usamos o mesmo artigo independentemente do substantivo utilizado. Isso facilita bastante as coisas. Só precisamos saber quando usar um artigo definido ou um indefinido.

Usamos a palavra “the” sempre nas seguintes situações:
– Quando o substantivo já foi mencionado antes ou é conhecido de todos.

Exemplos do uso de artigos definidos
I saw your new song yesterday. The song is amazing! -> Eu vi sua nova canção ontem. A canção é incrível!
Note que o substantivo “song” já havia sido definido anteriormente.

– Antes do nome de alguns países
Exemplos:
The United States of America -> Os Estados Unidos da América
The French Republic -> A República Francesa

– Substantivos que são únicos ou suficientemente definidos
Exemplo:
The sun is too strong today. -> O Sol está muito forte hoje.

Não temos dúvida sobre qual Sol estamos nos referindo. Mesmo que não tenhamos nos referido a ele anteriormente, o Sol é um substantivo claramente definido e portanto devemos usar o artigo adequado.

Em algumas situações é possível omitir a escrita do artigo definido sem prejuízo de sentido como na frase: my son will go to school (Meu filho vai para escola). Poderíamos dizer também my son will go to the school.

 

Veja o vídeo resumido com informações sobre essa aula de gramática


veja um vídeo sobre definite articles

 

E então já sabe como usar a palavra “the” em inglês?